Arquivo da tag: literatura

Uma declaração de amor

     Amo livros, com a exuberância ingênua do primeiro amor, com a inquietude das paixões mais tempestuosas e com a serenidade confortante das relações consolidadas. Ah, eu os amo desde sempre, desde os quatro ou cinco anos, desde o exemplar … Continuar lendo

Publicado em Literatura | Marcado com | 4 Comentários

Rabanetes!?!

  A expressão holandesa Betten Hoven significa literalmente “canteiro de rabanetes”. Do mesmo modo, o termo regional português Saramago significa… rabanete.     Ludwig van Beethoven e José Saramago são dois homens que inscreveram seus nomes entre os gênios criativos da humanidade. O … Continuar lendo

Publicado em Literatura, Música | Marcado com , , , | 1 Comentário

Fernando Pessoa, o poeta / Vinicius, o poetinha…

O brasileiro Vinícius de Moraes, copo de uísque ao lado, sorriso malandro na cara, sentado a um bar em Ipanema, diz: “Perdoai-me, meus amigos, a minha súbita vontade de chorar em vosso mágico convívio”. Contudo, como se sentisse o exato oposto, o … Continuar lendo

Publicado em Literatura | Marcado com , , , | 5 Comentários

Solidão, Clarice?

    Estou só. Ou melhor, não sei. O que é estar só? Nesta era de comunicações tão fáceis, meus bons amigos e amigas (são poucos, mas tão preciosos!) estão ao alcance de alguns botões. É difícil sentir-se só quando se … Continuar lendo

Publicado em Literatura | Marcado com , | 10 Comentários

10 grandes expressões da beleza feminina

Abaixo, dez grandes tentativas (feitas por homens) de representar a beleza de uma mulher: 1. Jeanne Hébuterne, pelo pintor Amedeo Modigliani. Jeanne, com seus olhos expressivos e sua beleza incomum, é uma modelo frequente nas obras do pintor Modigliani, caracterizadas pelo seu tratamento não convencional … Continuar lendo

Publicado em Cinema, Literatura | Marcado com , , , , , , , | 6 Comentários

Hamlet, ler ou não ler…

    “Ser ou não ser, eis a questão…” – certamente esta é uma das frases mais populares da história, associada de modo indissolúvel ao teatro e à arte de representar. “To be or not to be” são as palavras iniciais … Continuar lendo

Publicado em Literatura | Marcado com , | 1 Comentário

Um beijo de Neruda

“Amor, quantos caminhos até chegar a um beijo, que solidão errante até tua companhia!”    Um beijo pode ser algo tão banal, tão descomplicado, que para as últimas gerações de adolescentes tornou-se questão de aritmética, de quantidade versus oportunidade – … Continuar lendo

Publicado em Literatura | Marcado com , | 3 Comentários