Homens que Traem, Homens que Voam e Homens Invisíveis

flying manEm dias de bom humor, consigo achar até engraçado o dito que ouvi tempos atrás: “só existem dois tipos de homem: os que traem e os que voam… conhece algum homem que voa?” 

Acho engraçado porque é muito similar ao ditado machista “não existe mulher que não dá, existe mulher mal cantada…”. Embora estas grandes pérolas filosóficas (juntamente com um mundo de livros com um pé na misoginia) pretendam convencer que existem padrões comportamentais de gênero aos quais não se pode fugir (como homens sempre traírem e mulheres sempre caírem numa boa cantada), isto não parece ser verdade. Seres humanos, seja qual for o seu gênero ou preferência sexual, são entidades imensamente complexas.

 
Definir estereótipos nos ajuda a lidar com esta complexidade, é uma questão de sobrevivência. Alguns pré-conceitos (porque são isso mesmo, preconceitos) são ferramentas úteis para a sanidade mental. Nos exemplos acima, o ditado sobre os homens ajuda as traídas a não se sentirem uma tonta escolhida a dedo para ser traída, e sim apenas a vítima natural de um homem que trairá todas. No segundo caso, ajuda o conquistador mal sucedido a se convencer que o problema não é com ele, mas sim com sua abordagem, já que toda mulher seria burra o suficiente para ser convencida por uma cantada mais sebosa.
 
 Mas fico mais intrigado com os homens voadores. Conversando com mulheres (conversar com mulheres é quase sempre garantia de obter visões mais amplas), percebo que o humor em ditados como este é mais sutil e irônico. A maior parte das mulheres realmente acredita na onipresença do Homo traírum, aí incluindo aquelas que provavelmente nunca foram traídas. Ora, tendo a oportunidade de ser homem e ver a coisa por dois lados, posso afirmar que conheço vários homens que não traem quando estão com alguém, então algo está errado.
 
Um bom palpite é que o ditado foi concebido erroneamente, o poder mutante dos homens que não traem não é a capacidade de voar, e sim a invisibilidade. O enunciado correto é: só existem dois tipos de homem, os que traem e os que são invisíveis. Já viu um homem invisível?

invisible man

Naturalmente, o tipo de homem que atrai Teresa não necessariamente atrai Maria (o que é uma benção), mas existe realmente um padrão de homem que ofusca os demais, e que por isso é tomado como o estereótipo de homem ideal para dar uns amassos… academicamente, seria o equivalente humano ao macho alfa. Obviamente é possível compor um macho alfa fisicamente: mais alto, mais forte, mais saudável… mas não é neste aspecto que pretendo focar. Por mais que fulana seja atraída por homens menos vistosos, quase certamente ela irá apreciar que seu eleito tenha ao menos uma das características do macho alfa, quais sejam: auto-suficiência, competitividade, desinibição, segurança, uma boa “pegada”, presença de espírito e autoridade frente aos demais homens.

Os machos “beta” ficam ofuscados frente a homens assim, é óbvio. Ainda que a latinha do bam-bam-bam não agrade todas as senhoritas, ele aparece muito mais e… eis o detalhe crucial: ele serve de modelo, tanto para homens que querem o que ele consegue quanto para mulheres que sentem atração física pelo conceito que ele representa.

É desnecessário dizer que um macho alfa não costuma ser fiel; aliás, na natureza os machos alfa são justamente os únicos que podem copular com várias fêmeas da sua manada. Já ouvi analistas comportamentais alegarem que mulheres são atraídas por tipos assim justamente pela emoção de estarem sujeitas a um chifre a qualquer momento, pela sensação de competitividade com as demais mulheres (que seria um sentimento feminino inevitável). Não sei, pode ser. Mas arrisco um palpite diferente: o sonho de muitas mulheres é ter um macho alfa em casa e ser capaz de conter sua tendência de saltar cercas, o que seria uma maravilhosa injeção de auto-estima, o protótipo de mulher poderosa – embora nem Angelina Jolie pareça ser capaz de fazer isso.

Por isso, quando a tentativa falha, o golpe na auto-estima exige o ditado dos homens voadores.frog princeNa grande maioria das vezes, seres humanos apaixonados não traem (sejam homens, mulheres ou de qualquer outra classificação sexual), porque isso viola uma regra interior muito poderosa, e causa muito mais remorso do que qualquer castigo da sociedade. E homens amam, sim, homens se apaixonam e criam seus próprios castelos de areia sentimentais. Homens que não são alfa e traem provavelmente não amam mais (ou nunca amaram) a parceira. E machos alfa até se apaixonam, mas (por razões que seriam complexas demais para arriscar abordar aqui) não com o mesmo nível de comprometimento. A razão mais comum, embora mais desprezível, é a de que para eles envolver-se demais significa abrir mão de todas as outras ofertas a que estão acostumados a receber. As outras razões necessitariam de muitos outros parágrafos.

Os homens invisíveis quase sempre acabam esbarrando em mulheres invisíveis. Há uma natural atração mútua entre eles, afinal sua união é um investimento de baixíssimo risco sentimental. Talvez sejam relacionamentos de pouca adrenalina, cheios de convenções e previsibilidades, de emoções menos intensas, o que os torna ainda mais invisíveis, mas para muitas mulheres ainda representam um sonho a ser perseguido.

Hoje em dia, parece-me que nem todas as mulheres são tão angustiadas com isso. As mais bem resolvidas, se não querem abrir mão de ter um macho alfa para chamar de seu, aprendem a conviver com a coisa e até dar o troco sempre que possível. Mas, se me fosse solicitado um conselho masculino para as que ainda socam as paredes e não querem mais homens traidores, eu diria que precisam entender seu próprio desejo – se são irremediavelmente a fim dos alfas, não é apenas encontrando um homem fiel que vão ser felizes. Normalmente precisam mesmo é melhorar a auto-estima, o que faz bem em qualquer campo da vida.

E se, contudo, chegarem à conclusão que realmente preferem os fiéis homens invisíveis, aprendam a não procurar em locais onde, além de invisíveis, eles nem costumam estar: os homens invisíveis tem uma certa incapacidade de freqüentar a noite, por exemplo – afinal, a invisibilidade os faria alvo de pisões e cotoveladas a torto e a direito…

Anúncios
Esse post foi publicado em Outras e marcado , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Homens que Traem, Homens que Voam e Homens Invisíveis

  1. Fernanda Moraes Catelli disse:

    Humm! Acho que esse texto serviu bem certinho pra mim (e aposto que pra muitas outras mulheres)!
    Já me apaixonei por esses dois tipos! E, realmente (acrescento ainda que invariavalmente), a auto-estima é tudo em qualquer tipo de relação! Afinal de contas, não podemos nos permitir viver em função do outro e nem para o outro, mas com o outro! (acho que “viajei” de novo ahahaha)!!!

  2. NÁDIA CRUZ disse:

    Bem, já vivi as duas situações…
    Claro, que uma mexe muito mais com as emoções, vira uma montanha russa, mas cansa…
    No outro tipo, existe uma paz, harmonia, mas aquela coisa meio morna, que faz com que não se tenha vontade de continuar…
    O melhor seria o equilibrio, coisa dificil de encontrar…
    Bom texto!
    Outra coisa… auto estima é sempre a melhor opção. Independente de que macho for…
    Nádia

  3. Gi Cano disse:

    Acho que tive muita sorte de encontrar cedo em minha vida um outro tipo de homem (aquele mais raro, que acredita que quando se ama de verdade não há porque trair) e estando há tantos anos juntos eu me desacostumei a essa competitividade toda entre mulheres por um macho alfa, já passei por isso (brevemente graças a Deus, rs) e acho tão maçante, definitivamente não sou das que vê nisso um estímulo para ser uma mulher mais atraente ou chamar mais a atenção, na verdade já acho tão trabalhosa a rotina de se manter sempre bem pro marido, imagina competir com outras sem nem saber se o macho alfa vai te escolher, rs, eu viveria uma pilha, hehehe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s